Em Directo
HU SCOOP-255 €250 1st=€8K ( !store, !equipa, !resultados)

Já passou cerca de mês e meio desde a abertura da equipa ao público e tem sido uma experiência muito interessante a vários níveis, onde temos encontrado vários desafios e resolvido estes desafios um após o outro. Vou falar sobre alguns destes desafios, processos e soluções neste post.

Candidaturas

Desde o lançamento da equipa, recebemos centenas de candidaturas, fizemos dezenas de entrevistas e já integrámos 10 jogadores na Evolution.

Não tenho palavras para descrever todo o trabalho que o João Ferreira fez em conjunto com o Ivanildo e por todo o talento e humanidade que conseguimos recrutar e integrar na equipa!

Inicialmente queríamos responder a todas as candidaturas individualmente e nos casos em que não fosse possível integrar o jogador na nossa equipa, enviar um mail personalizado a explicar as razões. No entanto, a velocidade a que conseguíamos responder era muito inferior à velocidade a que as candidaturas chegavam e rapidamente chegámos à conclusão que para poder responder num tempo razoável e não deixar os candidatos à espera, não podíamos enviar mails tão detalhados.

Filosofia

Sei que algumas equipas internacionais apostam em meter jogadores a “farmar” ou “tabular” em gíria de Poker os níveis mais baixos, dando-lhes tabelas e explicando-lhes só o absolutamente necessário para executarem uma estratégia básica e ganharem nos stakes mais baixos.

Entendo perfeitamente que para as equipas seja “easy money” e de fácil escala, sendo que alguns desses jogadores ainda vão conseguir chegar um pouco mais alto, mas a maior parte não. No entanto, isto para nós é impensável!

Não queremos criar “bots” que estão limitadas a ganhar nos micro-stakes… O que queremos, é ajudar os nossos jogadores a aprenderem a pensar por eles próprios, aprenderem os fundamentos, criarem rotinas, estruturas e a disciplina necessária para alcançarem o seu verdadeiro potencial e atingirem os seus objectivos!

Nessa linha de pensamento, temos estado a investir de tal forma nos nossos alunos, que nem sei se é possível estarmos a ganhar dinheiro com eles a curto prazo…, Mas não importa, porque sabemos que a longo prazo vai ser melhor para todos e certamente vamos ter orgulho da evolução dos alunos e do projecto!

Investimento

Quando falo em investir nos alunos, estou a falar de por exemplo:

  • 1 sessão de Coaching individual a cada 120h de jogo.
  • Mental Coaching até 1x/semana.
  • Várias aulas de grupo semanal.
  • Apoio na criação de rotinas.

Coaching

No nosso contrato estamos a dar 1 sessão de coaching individual a cada 120 horas de jogo, o que para quem joga a tempo inteiro implica que se fizer 24 sessões de 10 horas num mês, vai receber 2 sessões de coaching no mesmo mês por exemplo. Para além disso, se um aluno estiver a atravessar uma fase difícil nas mesas, ainda damos automaticamente uma sessão extra de coaching e alertamos a nossa psicóloga para ver se é necessário dar uma atenção extra ao aluno e ajudá-lo a ultrapassar o downswing a nível mental.

Ou seja, quanto mais o aluno jogar, mais coaching vai ter e se as coisas estiverem a correr mal, vai poder contar com apoio extra do seu mentor e apoio psicológico extra da nossa psicóloga!

Mental Coaching

Por falar em psicóloga, nos casos onde há necessidade, os alunos têm tido uma sessão semanal com a nossa psicológica, a Raquel e tem tido um impacto muito grande no moral e desempenho deles!

Aulas de grupo

A nível das aulas de grupo, o Ivanildo tem feito um trabalho extraordinário, em que passámos de ter 1 aula semanal, para organizar todas estas aulas:

  • Aula às terças feiras de nível iniciante (Ivanildo).
  • Aula às terças feiras de nível avançado (Ivanildo).
  • Aula aos sábados exclusiva para o Nível 1 (Jolijony).
  • Sessão de revisão de mãos às quintas-feiras (Ivanildo).

O Ivanildo para além de ser um excelente jogador de Poker e uma excelente pessoa, também é um excelente professor/educador!

Uma surpresa agradável ainda relativamente a aulas, foi que o João decidiu integrar parte do seu estudo de high stakes nas rotinas da equipa e quando tem tido grandes resultados, tem feito uma revisão dos torneios aberta para toda a equipa, onde os jogadores podem fazer perguntas e quem não puder assistir ao vivo, pode ver a gravação depois!

Criação de rotinas

Temos trabalhado com os alunos para os ajudar não só dentro das mesas, mas também fora das mesas e criarem rotinas e estruturas que lhes permitam alcançar os objectivos deles. Isto pode parecer muito abstracto e pouco prático, mas a realidade é que a maior parte dos jogadores não tem bem a noção do que é jogar Torneios de Poker em Full-Time e o nível de exigência da nossa equipa para quem se compromete a jogar a tempo inteiro é muito elevado! Noutro post escrevo mais sobre este assunto, porque tenho muito a dizer sobre o assunto!

Cultura

Dentro da equipa promovemos a cooperação, onde todos se entreajudam e sabem que se o colega “do lado” trabalhar mais, ou tiver mais resultados, isso não é algo que o afecta negativamente, mas sim mostra-lhe o que é possível fazer e deverá ser uma fonte de alegria e motivação extra.

É essa a nossa cultura!

Conclusão

Estamos a investir imenso nos nossos jogadores e mesmo quem joga um buy-in médio de €5 vai ter a mim, ou ao Ivanildo como mentor e se jogar mais alto, quase de certeza que vai ter o Soleej como mentor, que é um jogador de high stakes no activo!

Acho que em 2021 para quem for ganhador em micro, low stakes ou mid-stakes, a Evolution poderá ser uma excelente oportunidade para os jogadores atingirem os seus objectivos e evoluíram muito rapidamente.

Se fores ganhador e estiveres interessado em fazer parte da nossa equipa, candidata-te aqui: Candidaturas.

Se ainda não fores ganhador, recomendo o meu livro “Torneios de Poker” (DUH) e o curso Masterclass Aprendiz do RYE, que já integrámos alguns alunos que percorreram esse caminho e se tornaram ganhadores.